Estudar Inglês Emagrece?

Hello everybody!

Eu sei que a pergunta do título parece meio esquisita e improvável, mas eu preciso contar uma história para contextualizar vocês.

Sempre no começo do ano eu faço exames de rotina (cardiologista, colesterol, triglicérides, glicemia etc). Fazia dois anos que eu não fazia tais exames e quando eu peguei o resultado, bum! Estava tudo explodindo! (inclusive eu!)

Nesse mesmo dia aconteceu um negócio bem interessante: eu “mudei a chavinha”! Ou seja, eu sabia que precisava fazer dieta por inúmeras razões e não fiquei procurando desculpas, atalhos ou brechas para poder tomar cerveja ou comer doce. Não é não!

E tenho muito orgulho de estar há 30 dias firme e forte!

Agora o que isso tem a ver com aprender inglês?

Simples: quando você se propõe a aprender um idioma você tem que repriorizar suas atividades para arrumar espaço para o estudo. E muita gente fala coisas do tipo:

“Putz, mas de terça eu tenho futebol, então já sei que não vai dar pra estudar.”
“De sábado e domingo eu só quero relaxar, não quero nem saber de livros.”
“Tem tarefa pra fazer, mas eu chego na escola um pouco antes e faço lá.’
“Ah, mas eu não quero virar professor de inglês, eu só quero saber me virar.”
“Assistir seriado com legenda não rola. Passa muito rápido e eu não entendo o que está acontecendo.”

E por aí vai a lista de mi mi mi’s que o pessoal usa para não ter que assumir a responsabilidade do seu estudo.

As frases acima são típicas de pessoas que já entram no jogo perdendo, ou seja, já começam a jornada de aprendizado com vários “senões” e limitações. São frases que nos sabotam pois já estão lá gravadas no nosso subconsciente e sempre que formos querer ir além, algo vai nos puxar para trás.

Vou dar um exemplo meu: sou deficiente físico (tive poliomielite e uso aparelhos ortopédicos). Para mim, o ir e vir entre casa e academia (ou a qualquer outro lugar que eu vá) não é das coisas mais fáceis, mas precisa ser feito e mesmo dolorido, cansado ou simplesmente sem paciência, eu vou! E você pode se motivar para aprender inglês ou qualquer outro idioma também.

Olha eu e meu personal!
Olha eu e meu personal!

Estou vendo resultados milagrosos? Ainda não! (Devo ter perdido uns quilinhos)

Eu sei, no entanto, que se eu continuar a dieta certinho e continuar me exercitando, os níveis de colesterol (y otras cositas más que estão nas alturas) vão baixar e eu vou ter uma qualidade de vida melhor.

Por isso, mesmo que você ache que está “patinando” no inglês (tipo, “Estudo, estudo e não sai do lugar”) isso não é verdade. O progresso existe e a gente precisa estar atento aos pequenos sinais dele.

Bom, este é um post bem curtinho para te dizer que sim, você consegue ter uma rotina de estudo mais “saudável” se não ficar se enchendo de desculpas.

 

Veja também:

Qual a melhor idade para aprender uma língua estrangeira?
Como Turbinar Seu Vocabulário Com A Leitura – 05 Dicas Ninjas!

RECEBA DICAS GRÁTIS

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do blog!


Deixe seu Comentário

Adir Ferreira © Todos os Direitos Reservados - 2014 | Desenvolvido por Blueberry - Soluções Digitais